Jerônimo Rodrigues é eleito governador da Bahia

Petista venceu ACM Neto com 52,24% dos votos.

Jerônimo Rodrigues (PT) foi eleito, neste domingo (30), governador da Bahia. A vitória sobre ACM Neto foi confirmada às 19h30, com % das urnas apuradas. A vitória do petista foi confirmada quando Jerônimo tinha 52,24% e ACM Neto 47,45% dos votos válidos. Com a vitória de Jerônimo Rodrigues o PT baiano fará seu quinto mandato consecutivo no Estado. 

Jerônimo assume o cargo em 1º de janeiro de 2023.

Conheça Jerônimo Rodrigues

Jerônimo Rodrigues Souza nasceu no povoado de Palmeirinha, na cidade de Aiquara, no território de identidade do Médio Rio de Contas, a 400 quilômetros de Salvador. É o penúltimo filho de Seu Ziza e Dona Maria Cerqueira, que também tiveram Januário, Plácido, Maria Antônia, Thereza, Lúcia, Marta, Rita e Zeferino.

Foi criado com toda família na margem do Rio de Contas, perto do riacho da Palmeirinha, com a liderança de Mãe Veva, matriarca de toda a família. Foi neste contexto que o Jerônimo construiu seus valores morais, familiares e humanos. Cristão e católico, é um homem de fé, devoto de Nossa Senhora da Conceição, tradição que veio também do ambiente familiar.

Na infância, Jerônimo aprendeu a nadar e a remar de canoa, ao lado dos irmãos no Rio de Contas. “A gente pescava, jogava futebol, a vida no interior me deu laços familiares e de amizade muito fortes”, lembra. Da casa da família, herdada da Vovó Isaura, Jerônimo ia para a roça de Cacau do Cavalo Morto, onde sua mãe e suas irmãs trabalhavam.

Aos 9 anos, Jerônimo foi, pela primeira vez, estudar em Jequié, onde algumas irmãs já estavam morando com a mesma finalidade. Na cidade, estudou no Instituto de Educação Régis Pacheco e no colégio Polivalente, tendo sua formação completamente feita em escola pública. “A casa em Jequié era pequena, tinha apenas um quarto. Mas éramos irmãos unidos e felizes, sempre que seu Bizunga chegava com os alimentos vindos da Palmeirinha era uma festa”, relembra. Depois do Ensino Médio, o jovem de Aiquara seguiu para Salvador com sua irmã Marta Rodrigues, para fazer um cursinho pré-vestibular.

Em 1987 foi aprovado no vestibular para o curso de Engenharia Agronômica na Universidade Federal da Bahia (UFBA). A faculdade era na cidade de Cruz das Almas, onde Jerônimo foi morar na casa de Tia Zai. Durante os estudos, ingressou no movimento estudantil, colocando-se na construção de um projeto político em defesa da universidade pública, gratuita, de qualidade para todos.

Foi em Cruz das Almas que Jerônimo conheceu Tatiana Velloso, engenheira agrônoma e professora da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), com quem se casou e teve o único filho, João Gabriel.

Fonte: Tribuna Online

divulgamaragogipe

Learn More →

O que você achou dessa notícia?

%d blogueiros gostam disto: