Crianças coreanas mortas após acidente em vala serão enterradas neste domingo no oeste da Bahia

Caso aconteceu na tarde desta sexta-feira (29), em Formosa do Rio Preto.

Foto: Divulgação/Polícia Militar

Os corpos das cinco crianças coreanas que morreram soterradas em uma vala, em Formosa do Rio Preto, no oeste da Bahia, foram liberados pelo Instituto Médico Legal de Barreiras e devem ser enterradas neste domingo (1). Isso porque o sábado é um dia voltado para cerimônias religiosas da comunidade coreana, que vive na região.

As crianças serão enterradas no povoado de São Marcelo, na localidade conhecida como Vila dos Coreanos, onde ocorreu o acidente. O local fica a cerca de 50 quilômetros da área urbana de Formosa do Rio Preto.

De acordo com a Polícia Civil da cidade, o caso ocorreu por volta das 12h de sexta-feira (29), na fazenda Paraíso, que fica dentro da Vila dos Coreanos. Os pais das vítimas sentiram falta das crianças por volta das 15h.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado pela Secretaria Municipal de Saúde, porém, as crianças já estavam mortas.

A vala tinha sido aberta para melhorar o saneamento da fazenda onde vivem cerca de 2 mil coreanos. O acesso à comunidade é restrito às 160 famílias que moram no local.

De acordo com a prefeitura do município, duas vítimas tinham 11 anos, outras duas tinham 7 e a mais nova, tinha 6. Todas estudavam na rede municipal de ensino. Neste sábado, a prefeitura decretou luto de três dias.

Equipes de policiais civis e militares e do Departamento de Polícia Técnica (DPT) estiveram no local para realização da perícia.

Por G1 Bahia

divulgamaragogipe

Learn More →

O que você achou dessa notícia?

%d blogueiros gostam disto: