Deputado Luciano Bivar desiste da presidência para ajudar Lula

Ex-presidente do PSL, partido que lançou a candidatura de Bolsonaro em 2018, desiste de cargo em estratégia que pode beneficiar Lula

O deputado Luciano Bivar (União Brasil/PE)  desistiu de ser candidato a presidente. A informação foi circulada no grupo de WhatsApp de parlamentares do partido neste sábado, 31. Bivar tentará outro mandato na Câmara dos Deputados.

O deputado mal aparecia nas pesquisas de intenção de votos. Na última pesquisa Datafolha, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparecia com vantagem de 18 pontos à frente de Jair Bolsonaro(PL). Com poucas chances na disputa polarizada, Bivar buscava convencer o seu partido a apoiar Lula, mas não obteve sucesso. Bivar era chefe do PSL, partido que lançou a candidatura de Jair Bolsonaro em 2018. Mas, os dois se desentenderam, e agora o deputado busca apoiar o projeto de Lula.

União Brasil, partido formado pela fusão do Democratas (DEM) Partido Social Liberal (PSL) – antiga legenda de Bolsonaro – é um dos com mais recursos do Fundos Partidário e Eleitoral, o que daria a Lula mais tempo de propaganda para o petista tentar vencer as eleições no primeiro turno.

Em troca do apoio da União Brasil, Lula negociava com Bivar apoio a sua reeleição como deputado em Pernambuco. Porém, Bivar encontrou grande resistência da ala bolsonarista do partido. Apesar de não ter conseguido apoio do partido, a desistência de Bivar oferece uma saída estratégica para ajudar Lula. Com a saída de Bivar, há rumores de que o partido lance a senadora Soraya Thronicke (MS), e abre espaço para que o partido indique como vice nomes como o de Fernando Haddad (PT) ou Rodrigo Garcia (PSDB).

Fonte: VEJA

divulgamaragogipe

Learn More →

O que você achou dessa notícia?

%d blogueiros gostam disto: