Pastor de 57 anos é preso acusado de estuprar enteada de 12 anos

O homem, de 57 anos, casado com a mãe da vítima havia uma década, admitiu que abusava da menina desde que ela tinha 6 anos e filmava com seu celular.

Um pastor da Igreja Evangélica Pentecostal Assembleia de Deus Ministério Jesus Reina, de 57 anos, foi preso por estuprar a própria enteada de 12 anos, na Baixada Fluminense, Rio de Janeiro.

Conforme informações da polícia, ele, que não teve o nome revelado, admitiu que abusava da menina desde que ela tinha 6 anos de idade. Além disso, ainda filmava as cenas com seu celular.

O abusador foi encontrado na casa de um amigo, onde estava escondido, em Belford Roxo.

A polícia disse que a mãe da menina só descobriu o que acontecia com a filha quando viu um dos vídeos, na segunda-feira (17). Ela, então, questionou o companheiro, que se ajoelhou, pediu desculpas e ameaçou se matar com uma faca. Depois disso, saiu de casa onde a família residia, em Guapimirim.

O acusado morava havia dez anos com a mãe da criança, com quem também tem um filho, de acordo com informações do G1.

“A menina fala que durante todo esse tempo, ela aturou isso durante seis anos, porque tinha medo do pai e a mãe se separarem e o pai levar o garotinho, o irmão dela. Ele é casado com a mãe dela, é uma família estruturada, quer dizer, você nunca sabe onde está o inimigo”, relatou Antonio Silvino Teixeira, delegado da 67ª DP, de Guapimirim.

Ao admitir os crimes, o abusador disse que era uma maneira de se satisfazer sexualmente, pois não tinha relações sexuais diárias com a companheira.

Polícia investiga se o homem praticou abuso sexual contra crianças que transportava em van escolar
O homem foi preso por estupro de vulnerável e por filmar e armazenar material pornográfica com adolescente.

Além de ser pastor há três anos, trabalhava como motorista de van escolar. Por isso, a Polícia Civil investiga se ele praticou algum abuso sexual contra as crianças que transportava. Com informações da Revista Fórum.

divulgamaragogipe

Learn More →

O que você achou dessa notícia?

%d blogueiros gostam disto: